domingo, 1 de abril de 2012

Nanotecnologia


O que é nanotecnologia?

É a ciência que projeta e desenvolve produtos e processos tecnológicos a partir de partículas minúsculas, na escala de nanômetros (1 milímetro é igual a 1 milhão de nanos), como os átomos.Com o uso de técnicas e ferramentas específicas, esse profissional é capaz de organizar átomos e moléculas a fim de dar origem a um produto, processo ou novo material. Atua na pesquisa e no desenvolvimento de diversas áreas, desde a medicina, passando pela química, biológica, têxtil, até computação e tecnologia.



Historia e Objetivo
Aquando Eric Drexler (direita) popularizou a palavra "nanotecnologia", nos anos 80, referia-se à construção de máquinas à escala molecular, de apenas uns nanómetros de tamanho: motores, braços de robô, inclusive computadores inteiros, muito menores do que uma célula.
 Fala-se com frequência da nanotecnologia como uma "tecnologia de objetivos gerais". Isso se deve ao fato de que na sua fase madura terá um impacto significativo na maioria de indústrias e áreas da sociedade. Melhorará os sistemas de construção e possibilitará a fabricação de produtos mais duráveis, limpos, seguros e inteligentes, tanto para a casa, como para as comunicações, os transportes, a agricultura e a indústria em geral.
Imaginem-se dispositivos médicos com capacidade para circular na corrente sanguínea e detectar e reparar células cancerígenas antes que se estendam.
Imagine-se o que seria "encolher" todo o conteúdo da Biblioteca Nacional num dispositivo do tamanho de um cubo de açúcar. Ou então desenvolver materiais dez vezes mais resistentes que o aço e com apenas uma fracção do peso.
A base da nanotecnologia é o fato de que não só oferece produtos aperfeiçoados como também uma ampla variedade de melhores meios de produção. Um computador pode fazer cópias de ficheiros de dados; basicamente tantas cópias como quisermos a um custo muito reduzido ou mesmo inexistente. Pode ser apenas uma questão de tempo até que a fabricação de produtos se torne tão barata como a cópia de ficheiros.
 Aqui reside a verdadeira importância da nanotecnologia, por isso é vista às vezes como " a próxima revolução industrial ".
A nanotecnologia não só permitiria a fabricação de produtos de alta qualidade a um custo muito reduzido como também a criação de novas nanofábricas com o mesmo custo e velocidade. É mesmo por essa capacidade única de auto reprodução (para além da biologia, evidentemente) pelo que a nanotecnologia se denomina " tecnologia exponencial ". Refere-se a um sistema de fabricação que, por sua vez, seria capaz de produzir mais sistemas de fabricação-fábricas que produzem outras fábricas- de maneira rápida, barata e limpa.


video




Fonte: http://guiadoestudante.abril.com.br/profissoes/ciencias-exatas-informatica/nanotecnologia-602529.shtml e http://guiadoestudante.abril.com.br/profissoes/ciencias-exatas-informatica/nanotecnologia-602529.shtml


Postagem: Bruna de Oliveira


11 comentários:

  1. Explicitar melhor a aplicação da nanotecnologia na área de Biologia Celular.

    ResponderExcluir
  2. a nanotecnologia, ainda é um sonho um tanto quanto distante para o homem...mas que quando for totalmente "domada" ela resolverá inúmeros problemas patológicos e entre outros. por isso é muito importante o investimento e o interesse nesta área. -Felipe biscaia.

    ResponderExcluir
  3. A nanotecnologia se concentra na pesquisa de estruturas de microorganismos com intuito de criar cosméticos, pó antibactéria,tratamento tópico de herpes e fungos, além de a longo prazo a nanotecnologia prevê o aparecimento de nano- dispositivos de regeneração celular que poderão garantir a regeneração dos tecidos.

    Ana Caroline Mendes de Arruda.

    ResponderExcluir
  4. Explicitar a relação entre nanotecnologia e a área de Biologia Celular?

    ResponderExcluir
  5. Uma das relações da nanotecnologia com a biologia celular é a criação de um nano-aparelho capaz de detectar um câncer na sua faze mais preliminar,localizá-lo com extrema precisão,proporcionar tratamento específico dirigidos á estas células malignas e medir a eficiência do tratamento.Este está sendo o objetivo do Instituto Nacional do Câncer dos Estados Unidos até o ano de 2015.

    Marcela Fabiane Kozeczen

    ResponderExcluir
  6. Boa consideração da Marcela. Aguardo outros comentários a respeito do uso da nanotecnologia na área de Biologia Celular.

    ResponderExcluir
  7. A nanotecnologia,pode ser usada também para ajudar a reparar ou regenerar células danificadas, devolvendo os movimentos a um doente. "Esta pesquisa provê um antecipado vislumbre dos novos e empolgantes lugares para onde a tecnologia pode levar", disse David Rejeski, diretor do Project on Emerging Nanotechnologies. "Injetando moléculas que foram criadas para se auto-organizar em nanoestruturas no tecido espinhal, fomos capazes de recuperar e reparar rapidamente neurônios danificados". "Este tipo de trabalho nos ajuda a ver além da primeira geração de aplicações de nanotecnologia, tais como melhores raquetes de tênis ou tecidos antieletricidade estática, e diminuir o sofrimento humano em doenças como Parkinson, problemas do coração e até mesmo câncer", concluiu. Além da paralisia e do Mal de Parkinson, os cientistas acreditam que a nanotecnologia ainda poderia ser aplicada a problemas como Alzheimer, onde as células cerebrais param de funcionar como deveriam, ou auxiliando o funcionamento correto das áreas lesadas do coração após um infarto.

    A aplicação do mesmo seria um avanço imensurável para a Medicina. Já foram realizados diversos testes e já demonstraram como ratos de laboratório paralisados por problemas na medula espinhal podem voltar a andar em apenas seis semanas.


    Ana Paolla Protachevicz.

    ResponderExcluir
  8. Há limitações para o uso da nanotecnologia na área de Biologia Celular?

    ResponderExcluir
  9. Surgiu a preocupação sobre os impactos negativos causados pela nanotecnologia, mas ainda muito pouco se sabe sobre o dano que esses novos materiais podem causar. Um dos impactos preocupantes, é o fato de nanopartículas serem da mesma escala física de componentes celulares e sugerem que essas partículas podem iludir as defesas naturais e danificar as células.

    Fonte: http://www2.ica.ele.puc-rio.br/Downloads%5C34/IN-aula1a.pdf

    Lucia Satomi Hirooka

    ResponderExcluir
  10. Na maioria dos casos, as principais aplicações comercias da nanotecnologia ainda
    levarão alguns anos para tornarem-se realidade, porém as limitações destes produtos já
    estão claras, e em alguns casos esses limites parecem imensuráveis.
    Teoricamente, não há limites para a utilização desses
    processos e aplicações. Segundo o PEN (Project on Emerging
    Nanotechnologies – Projeto sobre Nanotecnologias Emergentes), a cada semana, 4 novos nanoprodutos são lançados no
    mercado.

    Bruna de Oliveira

    ResponderExcluir